18700347_1746119865405044_4563795584915221536_n.jpg
ADV.jpg
PIZZOTTI.jpg
Presidente TJ.jpg

Presidente do TJ/SP Desembargador Fernando Antonio Torres Garcia

 

LOGOARQUIMEDIARNUPTJ.png

Seja especialista na mediação e conciliação de conflitos nos termos da Res.125/10 CNJ

Escola Credenciada no Tribunal de Justiça SP


Se você está interessado em se tornar um profissional capacitado para atuar nas gestões de conflitos dentro e fora do Poder Judiciário, temos a solução perfeita para você. Nosso curso de formação em mediação e conciliação 100% EAD

 

Nossa missão é capacitar profissionais para atuarem de forma eficiente e ética nas mais diversas situações de conflito, tanto dentro quanto fora do Poder Judiciário. Com uma metodologia inovadora e conteúdos atualizados, garantimos que nossos alunos estejam preparados para lidar com os mais diversos conflitos .

🔸 Certificado reconhecido: Ao concluir o curso, você receberá um certificado de formação em mediação e conciliação judicial, válido em todo o território nacional e aceito pelo TJ/SP.

🔸 Networking: Durante o curso, você terá a oportunidade de interagir com outros profissionais da área, ampliando sua rede de contatos e trocando experiências valiosas.

Já pensou em ter uma excelente renda extra com a mediação?

Chegou a hora!

Aqui você irá desenvolver novas habilidades, aulas teórica e  práticas com estágios supervisionados no Tribunal e em Câmaras Credenciadas, com o suporte da Arquimediar e Instrutor credenciado ao CNJ pertencente ao corpo docente. Mais segurança na certificação

Ao escolher uma instituição de formação em mediação  é preciso prestar  atenção ao corpo docente, para ensinar mediação é essencial atuar como mediador(a) nos CEJUSCs, Tribunais e no mercado privado. Isso porque a instituição deve propiciar o desenvolvimento de ambas as vertentes simultaneamente para que o (a) aluno (a) ganhe experiência e se destaque no mercado.

Na prática, a teoria é bem diferente!

Aprenda com quem faz mediação!

 

T-23_ Turma de FÉRIAS JUNHO/JULHO 2024

 (aulas ao vivo e gravadas+material EAD+apostilas+slides+networking)


Aulas ao vivo ONLINE

  • DATAS:
  • 26 de junho
  • 3-17-24 e 31 Julho/2024das 19h30 às 22h00.

Aproveite!

Início da T_23_CURSO_MEDIAÇÃO_CONCILIAÇÃO_JUDICIAL_EAD

 

 

      TURMA ABERTA PARA  MEDIADOR/CONCILIADOR
             COM TRIPLA CERTIFICAÇÃO

 

      1- Mediador(a) Judicial
      2- Conciliador(a) Judicial
      3- Mediador(a) Extrajudicial Privado

 

       DE R$2.397,00

       POR R$1797,00 (PARCELADO SEM JUROS) OU

      POR R$ 1497,00 (À VISTA) COM DESCONTO 15%

 

curso de mediação e conciliação on-line, curso de mediação e conciliação a distância VÍDEOS   curso de mediação e conciliação on-line, curso de mediação e conciliação a distância APOSTILAS
curso de mediação e conciliação on-line, curso de mediação e conciliação a distância INSTRUTORES CNJ  curso de mediação e conciliação on-line, curso de mediação e conciliação a distância CERTIFICADO OFICIAL
curso de mediação e conciliação on-line, curso de mediação e conciliação a distância HABILITADA PELO TJ/CNJ   curso de mediação e conciliação on-line, curso de mediação e conciliação a distância 115 HORAS

   

APOIO: 

  COMISSÃO DE MEDIAÇÃO OAB JABAQUARA/SAÚDE

       Presidente: Patrícia Coelho Carvalho

Vice: Silvia Nasrallah

Diretor: Carlos Savoy

 

 

ABRAREC – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DAS RELAÇÕES EMPRESA CLIENTE,

A ABRAREC é uma associação sem fins lucrativos, voltada para criar e divulgar a cultura do bom relacionamento entre empresas e clientes, aprimorar a capacitação profissional e certificar a excelência em relacionamento.

 

DEPOIMENTOS 2024 

  • Fiz o curso de Mediação e Conciliação, obtive o certificado em Dezembro e estou atuando em um cejusc, inclusive, elaborando os termos.

Regina Saicali

  •       Os pontos mais importantes que destaco no curso são as técnicas ensinadas. Partindo da comunicação não violenta até a leitura corporal, das espirais negativas de conflitos até o momento em que nos colocamos no lugar do outro, da postura, fala e principalmente da observação.

               Aprendi olhar com outros olhos o mundo do direito. O famoso entrave jurídico que aprendemos durante a faculdade de Direito, visando sempre o litígio deve ser deixado para trás, não há mais espaço para isso. A escuta ativa, a comunicação assertiva, o exercício do "não julgar", o fortalecimento da empatia, são as virtudes que espero poder aprimorar cada dia mais.
       Antonio Carlos Rodrigues Silva

 

  • Apesar de conhecer o tema, o processo de formação que estamos envolvidos há algumas semanas foi essencial, tanto para trazer bases sólidas e um raciocínio linear e organizado sobre o processo de mediação, como também para compartilhamento de ideias, o que em muito irá me auxiliar a me tornar um mediador mais preparado para os desafios dessa atuação.
    O processo de ensino online e síncrono foi excelente, permitindo conciliar com as atividades do escritório de advocacia e com as atividades acadêmicas que participo . Participei das aulas e com a interação com o grupo o processo foi bastante enriquecedor. Durante este tempo, pude rever os conceitos, princípios e técnicas da mediação. Além das aulas, os materiais disponibilizados na plataforma, como as apostilhas do CNJ foram muito importantes. As apostilas são muito boas e didáticas. Os vídeos também ajudam a ter uma visão prática, dos aspectos positivos e desafiadores da atividade do mediador.
    Pude reformar minha visão sobre a importância de ouvir ativamente (escuta ativa), ser imparcial no processo de mediação e mostrar empatia durante as sessões de mediação. Esses aspectos foram essenciais para criar um ambiente propício ao diálogo e à resolução de conflitos.
    Além disso, refleti bastante sobre minha própria postura e forma de comunicação. Até me motivei a rever alguns testes e exercícios que já havia feito sobre negociação em outros cursos (como o PON – Program On Negotiation - da Harvard Law Schooll). Identifiquei áreas em que posso melhorar e crescer tanto pessoal quanto profissionalmente. A autorreflexão e o entendimento das nossas características são fundamental para me tornar um mediador mais eficaz.

Vitor Morais de Andrade

 

  • Este curso me chamou a atenção antes mesmo de iniciar. Diante das minhas dúvidas, respostas educadas, esclarecedoras, sem abordagem comercial ou marketeira. Transmitiu-me confiança.

Mesmo sendo em ambiente EAD, o curso fez uma imensa diferença ao se propor a transmitir aulas síncronas, preparadas com amor (a palavra técnica e esta: amor) para nos ajudar a compreender os conceitos. Os professores de entregaram de corpo e alma à missão cumprida com excelência.
Para a formação do mediador, considero a conjunção de dois elementos com igual importância: aprender as técnicas e compreender a empatia.
Entendo que devo aprimorar meu desenvolvimento nestes dois campos. Aprofundar minha compreensão da empatia e fazê-lo por meio da vivência e interação com os outros. Aproveitar todas as oportunidades de aprender, aplicar e validar as técnicas de facilitação, bem como da comunicação não violenta.
Após esse aprendizado teórico, sinto-me um ser humano mais empático e consciente de que os conflitos são parte do relacionamento humano.

Marcelo Carlos Falcao Menegheti

 

  • Meu dia a dia eu já tenho atuado com mediação de conflitos, não de forma judicial, mas, dentro da esfera  do mundo corporativo, nas relações hierárquicas, de equipes e de sócios; posição de quem cuida da cultura organizacional e do desenvolvimento de pessoas.

O processo me trouxe mais base e metodologia para que eu possa atuar de forma ainda mais eficiente e assertiva para conduzir este tipo de situação, já que mediar envolve preparo pessoal e acolher de forma total os envolvidos.

1. O que achei mais importantes foi a reflexão em relação a questão humana. Todo mundo que está em conflito tem sentimentos em relação aquilo e interesses/motivações que estão por trás das falas, da postura e do tom da voz. Perceber estas nuances para conseguir mediar é que o faz a diferença para que a solução em conjunto, seja construída. Além disso, ter domínio de metodologias ajuda muito a aumentar a assertividade e eficiência como mediador.

2. Ter mais domínio das técnicas e metodologias irá me ajudar a conseguir transformar as trocas entre as partes em diálogos construtivos. A troca em relação as práticas vivenciadas pelos professores do curso e convidados, ajudam a trazer um entendimento mais profundo de questões que muitas vezes, são inesperadas ou fundamentais para conseguir fazer um bom processo de mediação.

3. Quais as competências que considera ter desenvolvido no curso?

Acredito que descobrir que algumas competências que eu já tinha bem apuradas, como a questão da empatia e da escuta ativa, já as utilizava no dia a dia e aumentei o seu grau de importância em tudo o que eu faço. Acredito que aprimorei a forma que me comunico (principalmente ao me sentir atacada por alguém), a questão técnica da medicação e todo o seu processo e como utilizar a comunicação não violenta para harmonizar o ambiente ou trabalhar o diálogo em situações críticas.

Carolina Parolin Russomanno

 

 

  • Iniciei o curso bem ansiosa e confesso com um pouco de medo. Aos poucos, participando das aulas dos professores e caminhando pela plataforma fui me sentindo mais segura.

Um ponto que muito me tocou enquanto profissional e ser humano é o fato de caminharmos pela construção de uma cultura de paz. Já tenho esta vivência de justiça restaurativa/práticas restaurativas no contexto escolar, por trabalhador com esta perspectiva. Sou facilitadora de círculos de construção de paz, mediação de conflitos em ambiente escolar e formadora de professores em práticas restaurativas. Porém, o que estudei para o trabalho junto às escolas, ao mesmo tempo, que tem pontos em comum com a mediação/conciliação, também são distintos, com relação à suas técnicas de atuação.
Aprendi muito com as apostilas do curso, com as atividades e aula. O material apresentado na plataforma e, como se dá a progressão dos conteúdos e atividades, permitem o desenvolvimento do aprendizado em espiral.
Sinto que preciso estudar mais e, cotidianamente, na trajetória da mediação/conciliação, me alimentar de novos cursos, encontros e formações.
Importante, no momento do estágio, me dedicar nas observação e conciliar com a teoria, fazendo uma reflexão construtiva para maior desenvolvimento do conhecimento e prática.

Marcia Regina Nogueira Soares

 

 

 

                                 

                                

                                      

 

LOGO OAB COM.png